A importância de repor perda dentária

Atendimento por Whatsapp

Não é incomum as pessoas atribuírem a perda dental a uma questão puramente estética e negligenciar a reposição. Contudo, há muito mais do que isso em jogo. Na verdade, a perda dentária pode constituir um problema sério de saúde bucal (ou mesmo, geral) e prejudicar em muito a qualidade de vida dos pacientes.

As dificuldades após uma perda dentária logo começam a aparecer: sorrir, morder, mastigar um alimento, fazer a higiene bucal. Tudo isso acaba se tornando um desafio. A boa notícia é que a reposição dental pode ser feita de forma efetiva e segura, devolvendo sorrisos e bem-estar.

Dentista que examina os dentes de um paciente no dentista. Foto Premium

Por que a reposição é determinante para o paciente?

A reposição dentária pode ser feita tanto por meio de implante quanto por prótese dentária. É uma questão de saúde geral, na verdade, e não só bucal. Por isso, é tão prioritária, conforme explicam os nossos especialistas. 

Isso porque ter um dente perdido causa um enorme prejuízo à vida do paciente, podendo levar a problemas de estômago, já que prejudicam a mastigação correta. Por essa razão, é preciso procurar um dentista no momento em que ocorre a perda, sem postergar a consulta. Ele será capaz de fazer um diagnóstico preciso da situação e começar a trabalhar no planejamento da reposição. 

O que pode acontecer após uma perda dentária?

Abaixo, confira as situações mais prováveis de acontecer a pacientes que passaram por uma perda dentária e não fizeram reposição da forma adequada:

  • Migrações dentárias: quando há a ausência de um elemento dentário, os dentes laterais se inclinam, fazendo com que o opositor continue o processo de crescimento até encontrar alguma barreira. Isso prejudica em muito o sorriso e a saúde do paciente;
  • Periodontite: sem que haja um dente para completar o sorriso, as chances de periodontite se elevam bastante, de acordo com especialistas. A doença periodontal acaba por se desenvolver nos dentes laterais em função do espaço formado, e acaba dificultando a higiene correta dos dentes;
  • Colapso oclusal: condição que acontece quando os dentes mudam de posição e passam a se articular entre si de maneira errônea;
  • Danos na ATM: nossos especialistas relatam que é muito comum pacientes se queixarem de desconforto na articulação temporomandibular, estalos e dores de cabeça após perda dos dentes sem a realização de reposição;
  • Autoestima prejudicada: pessoas que perdem um ou mais dentes acabam sofrendo impacto também psicológico, com relatos de baixa autoestima. Essas pessoas acabam tendo até mesmo dificuldades de se relacionar, já que se privam de estar em público, de reuniões sociais e evitam fotos sorrindo. É bastante comum recebermos pacientes com sérios problemas de relacionamento devido à ausência de um ou mais elemento dentário.

Graças à Odontologia, tudo isso é solucionável. A restauração transforma rostos, sorrisos, vidas. Para os dentistas, é um trabalho extremamente gratificante. 

Quer uma avaliação da sua situação? Entre em contato com nossa equipe e agende um horário. A vida é muito curta para evitar sorrisos.